sexta-feira, 28 de abril de 2017

Personalidade: VÓ CONSTÂNCIA.





      Vó Constância


Nome: Constância Medina.
Idade: 82 anos (mas não diga pra ninguém).
Parentesco: Mãe da Gertrudes, Sogra do Gumercindo, avó do Pafúncio, Da Marinalva e do Dagoberto e bisavó do Tavinho.


Hobbie: Tricotar. Leva por toda a parte a sua inseparável sacolinha de tricô.
Saúde: Levemente hipocondríaca, engole remédios de todos os tipos, só pra garantir. Pelo menos ela se mantem hidratada, com tantos copos d’água.



Resumo: A nossa querida idosa está sempre procurando erros para consertar. Não pode ver desleixos, serviços mal feitos, relaxamentos ou outros tipos de incoerências que já se manifesta, dizendo aquilo que é mais sábio e correto naquele momento.
Porém, como manda a natureza humana, a primeira reação do interpelado é sempre justificar a sua razão ignorando os alertas recebidos. Ninguém aceita ser questionado ou contrariado. E a vovó se passa por velha caduca, intrometida ou aposentada que não tem o que fazer e fica se metendo na vida dos outros. Mal sabem eles da grande oportunidade que estão tendo de corrigir os seus próprios erros com a ajuda obtida da experiência de uma vida inteira vivida pelos mais idosos.

Defeito: Mass, como ninguém é perfeito, nossa sábia heroína gosta de ver novela! Sabe decor tudo o que se passa e também o que se passou em todas as novelas de todos os canais que já foram transmitidas desde que inventaram a televisão. 


Imprevistos: A anciã conselheira da família Antunes passa por maus bocados em duas situações. Uma: quando esgota a pilha do aparelho de surdez e ela não percebe, passa a interpretar errado o que os outros estão lhe dizendo, causando pequenas confusões.
Outra: quando termina o seu comprimido para a memória e ela começa a ter uns apagões, não se lembrando mais de coisa alguma. Uma vez ela colocou sal no feijão quinze vezes, por não lembrar que já havia colocado.



Dona Constância inspirou as capas das revistas LEITOR VIP nº 16 e 30, e CARTUM nº 47, 74 e 112.






CONFIRA A PERSONALIDADE DOS PERSONAGENS DA CARTUM, copiando o link:

GUMERCINDO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/personalidade-gumercindo.html

DAGOBERTO   http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/personalidade-dagoberto.html

GORDO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-gordo.html

TIA CLOTILDE  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-tia-clotilde.html

ZÉ MANÉ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-ze-mane.html

OMAR AJÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-omar-aja.html

ESPONJA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-esponja.html

PAFÚNCIO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/01/personalidades-pafuncio.html

BAGATELA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-bagatela.html

MÃE DIRÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-mae-dira.html

IOLANDA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-iolanda.html

quarta-feira, 26 de abril de 2017

DE ONDE VEM AS IDÉIAS - Parte 3


Seguindo na explicação de como são obtidas, de forma pessoal e intuitiva as idéias para os argumentos e roteiros presentes na revista CARTUM... 
Em capítulos anteriores, já foram realizados os PRIMEIROS PROCEDIMENTOS e já dispomos de um CADERNO DE ANOTAR IDÉIAS.
Agora vamos buscar os ELEMENTOS que vão preencher as páginas desse caderno e, consequentemente, as lacunas no conteúdo das histórias.

Capítulo 3 - BUSCA DE ELEMENTOS.


Para que o artista escreva bons roteiros de HQs, é extremamente necessário que aprecie a leitura de livros, revistas e jornais, seja bem informado, converse bastante e, antes de tudo, saiba conversar...

 Para SABER conversar, desapegue-se de suas convicções, receios, paradigmas em geral e entregue-se a uma troca de energia sonora com outro indivíduo, seja qual for sua idade, raça, filosofia política, time de futebol, congregação religiosa, classe social ou nível cultural. 

Permita-se ouvir o que a outra pessoa tem a dizer, sem exigências. Ouça atentamente os mais esclarecidos, escute com atenção, especialmente, as crianças e os idosos, pois todos possuem uma impressão diferente da vida. Mas, acima de tudo, não limite-se a rótulos e grupos específicos...converse com toda a humanidade!! 

Não faça do seus textos uma doutrinação ideológica, e sim, um diálogo a quem estiver aberto para recebê-lo!! Impondo a sua opinião, sem falsidade, mas aceitando as diferenças e ouvindo atentamente as objeções. 

 Não precisa basear-se apenas nas suas experiências próprias. Pode buscar elementos (temas, características, dados e informações adicionais) para agregar valor ao roteiro, através de pesquisas na Internet, ou em livros.
Ex: Personagem indígena (deve-se pesquisar costumes, tradições e trajes típicos indígenas, formas de expressão e habitação da aldeia, representados com o devido respeito, sem aquele tradicional “uga-uga”)

Cenário Pitoresco (para enriquecer uma HQ que se passa em determinado estado ou país, pode-se pesquisar sobre hábitos e costumes locais, pontos turísticos, vegetação, clima, etc.)
Enfim, ao escrever HQs podemos incluir interessantes informações históricas, geográficas, culturais ou sociais obtidas em rápidas navegadas na internet (em fontes confiáveis) ou visitas à biblioteca
Afinal, HQ também é cultura e é uma possibilidade de transmitir aos leitores algo que lhes acrescente valor à vida e lhes motive a continuar persistindo naquilo que é correto.


Se o tema for obesidade, por exemplo, buscamos informações sobre a doença, IMC, estatísticas, prevenção, tratamento e tudo o mais que possa enriquecer o conteúdo do seu roteiro. Fuce essas informações em livros, jornais, revistas, na internet, ou no seu próprio “caderno de anotar ideias”, onde você pode ir estocando esse tipo de informações.

Agora, imagine situações!! Após obter alguns dados técnicos sobre o tema, a próxima etapa é reunir possíveis situações que irão compor o seu roteiro: ainda utilizando o tema da obesidade, podemos imaginar uma pessoa obesa passando por uma série de dificuldades, como ficar trancado na roleta do ônibus, se rebolar todo para vestir uma calça, quebrar a cadeira da lanchonete com o seu peso, além do tradicional descontrole na quantidade de comida que ingere. Mas não se limitar aos aspectos desagradáveis, pois acaba se tornando BULLYING, Imagine também coisas boas, como o goleiro obeso que se tornou o herói do jogo pois fechou o gol com a barriga, etc. 

Fique atento!! Em breve publicaremos a quarta parte deste diagnóstico da criatividade, o capítulo 4, intitulado: CINCO REQUISITOS. Na sequencia, esta série de textos será finalizada com o Capítulo 5: DISTRIBUIÇÃO DO TEXTO.


Para ler o capítulo 1: Primeiras Providências, cole o link:

http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/de-onde-vem-as-ideias-parte-1.html

Para ler o capítulo 2: Caderno de Anotar Idéias, cole o link:

http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/de-onde-vem-as-ideias-parte-2.html

terça-feira, 25 de abril de 2017

BONUS PAGE da Revista CARTUM 111


Esta é uma página adicional referente à história "Esbanjando Bom Humor", publicada na revista CARTUM nº 111, disponível apenas nas publicações virtuais, gerando um interesse no internauta em também conhecer a revistinha física que resultou nesta Bonus Page!


BONUS PAGE é uma extensão da revista CARTUM que só pode ser lida no mundo virtual. Ela estará disponível sempre após o lançamento de cada edição na FANPAGE da Revista CARTUM no Facebook. 


 Curta a página da Cartum no Face e acompanhe as próximas páginas bônus!

segunda-feira, 24 de abril de 2017

NOTÍCIAS DA CARTUM

Pra quem curte a Revista CARTUM e quiser saber das novidades que NÃO ESTÃO NO GIBI, basta acessar o site:  www.revistascartum.com.br , e acessar o link de NOTÍCIAS,  que traz, no mínimo, 3 atualizações semanais.


Ali são divulgados os lançamentos atuais, as atividades realizadas e um pouquinho do universo Cartum, transmitido de uma maneira leve e divertida.

Ah... e não esqueça da página no FACEBOOK: Revista CARTUM. Deixe a sua curtida e receba algumas risadas!

VALORIZE O ENTRETENIMENTO SADIO. Leia a revista e acompanhe suas publicações na web!!!

sábado, 22 de abril de 2017

DE ONDE VEM AS IDÉIAS - Parte 2


No capítulo 1, "Primeiras Providências" ( http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/de-onde-vem-as-ideias-parte-1.html ),vimos os detalhes que precisamos definir ao iniciar um roteiro para histórias em quadrinhos. Agora é a vez de apresentar um recurso que muito me auxiliou nos últimos 16 anos: o caderno de anotar idéias!!                    

OBSERVAÇÃO: a maneira aqui sugerida para escrever roteiros é a forma pessoal como são criadas as Revistas CARTUM pelo seu autor, a qual vem funcionando há dezesseis anos.

Capítulo 2 - CADERNO DE ANOTAR IDÉIAS


Escolhido o assunto a ser abordado, vamos buscar as idéias.
Nem sempre a memória me ajuda neste momento de acumular conhecimentos a respeito de um tema específico. Para isso eu utilizo um Caderno de Anotar Idéias. Comecei com cadernos de 4 matérias, agora utilizo um de 20.

Como todo escritor já sabe, as melhores idéias surgem de relance onde menos se imagina, geralmente quando se está mais desprevenido.
Por isso, procure estar sempre munido de algum papel e uma caneta para ir anotando todas as idéias que lhe ocorrem ao longo do dia (boas e fracas, pois a ideia que pode parecer fraca a princípio, é porque ainda não está pronta), onde quer que você esteja. 
Ao final do dia todas estas idéias serão transferidas para o tal caderno. Além de anotar idéias imaginadas, frases ouvidas e fatos testemunhados, o autor também pode esboçar imagens, como caricaturas de pessoas exóticas, modelos de roupas e acessórios, fachadas de lojas e casas, automóveis, motos, bicicletas, paisagens, etc...
O segredo é ir anotando as informações que a vida lhe proporcionar para que este precioso tesouro não caia no esquecimento. Depois basta distribuir no Caderno de Anotar Idéias, em sua subdivisão específica, de uma maneira organizada e coerente! No momento em que for escrever algum roteiro, basta analisar os setores do caderno e acrescentar algumas das informações ali presentes para enriquecer o conteúdo do texto.

Com certeza o tal caderno pode ser substituído por arquivos no seu tablet ou outro recurso que o escritor estiver habituado a utilizar!!

Eu divido o meu caderno de anotar idéias nos seguintes setores

1) planejamentos / projetos diversos / temas para serem utilizados no ano atual.
2) embriões de roteiros /
3) tiras / 
4) piadas clássicas / 
5) temas a explorar / 
6) tiradas (gags) / situações engraçadas /
7) textos diversos / assuntos aleatórios /
8) e 9) idéias individuais para cada personagem (cada 4 folhas do caderno destinadas a um personagem específico) /
10) formatos padrão / medidas para todos os tipos de revista.
11) novos personagens / idéias a trabalhar /
12) conteúdos futuros / novidades para o ano seguinte /
13)  frases / citações que podem ser aproveitadas.
14) anotações.

Você pode desenvolver o seu caderno de anotar idéias da maneira que achar mais conveniente para facilitar o seu próprio processo criativo.

Para ler o capítulo 1: Primeiras Providências, cole o link:

http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/de-onde-vem-as-ideias-parte-1.html

Em breve serão publicados os próximos capítulos:

3 - BUSCA DE ELEMENTOS
4 - CINCO REQUISITOS
5- DISTRIBUIÇÃO DO TEXTO

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Personalidade: GUMERCINDO


Nome: Gumercindo Antunes.
Idade: 59 anos.

Parentesco: Marido da Gertrudes, genro da Vó Constancia, pai do Pafúncio, da Marinalva e do Dagoberto, sogro do Bráulio e avô do Tavinho.
Ocupação: trabalha no banco do Sr. Almeida, há 34 anos.
Mania: ficar arretando e limpando exageradamente o seu carro.
Resumo: É o patriarca da família Antunes... Tem o maior ciúme do seu possante bólido adquirido com tanto custo e tão maltratado pelos demais membros da família... Conduz a sua família, com calma e tranquilidade (na medida do Impossível), mas no final do mês o pânico toma conta e ele se torna o maior perito em evitar gastos domésticos, economizando de forma absurda e desnecessária!
  



 Gumercindo é um pára-raio de encrencas. É a ele que todos recorrem quando estão em apuros ou quando têm algum tipo de queixa, geralmente envolvendo o Pafúncio. A todos ele ouve pacientemente e se esforça para trazer sempre a solução mais salomônica possível, ou em outras palavras, qual será a punição ao Pafúncio dessa vez.
A ele que pedem dinheiro empresDADO, a ele que reclamam quando alguma coisa quebra ou apresenta defeitos, a ele é que late o cachorro quando ninguém coloca ração no seu pote, enfim, a ele se dirigem as reivindicações de todos os membros da família.
Leva muitas broncas da dona Gertrudes por urinar fora do bacio, entrar em casa sem bater os pés direito, etc. 
Não basta ser pai, tem que participar...

























Gumercindo esteve presente nas capas da revista LEITOR VIP 17, e das revistas CARTUM 89 E 102.

CONFIRA A PERSONALIDADE DE OUTROS PERSONAGENS DA CARTUM:

DAGOBERTO: http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/04/personalidade-dagoberto.html

GORDO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-gordo.html

TIA CLOTILDE  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-tia-clotilde.html

ZÉ MANÉ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-ze-mane.html

OMAR AJÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-omar-aja.html

ESPONJA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-esponja.html

PAFÚNCIO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/01/personalidades-pafuncio.html

BAGATELA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-bagatela.html

MÃE DIRÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-mae-dira.html

IOLANDA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-iolanda.html




quarta-feira, 19 de abril de 2017

DE ONDE VEM AS IDÉIAS - PARTE 1

Muitos leitores invariavelmente me fazem a mesma pergunta: DA ONDE VEM TANTA IDÉIA para as historinhas? De tanto responder a esta questão, acabei desenvolvendo um "modus operandi" que, aqui no blog, vou dividir em 5 capítulos que serão apresentados a partir do mês de abril, para quem tiver tempo pra ler e quiser aproveitar:

1 - PRIMEIRAS PROVIDÊNCIAS
2 - CADERNO DE ANOTAR IDÉIAS
3 - BUSCA DE ELEMENTOS
4 - CINCO REQUISITOS
5- DISTRIBUIÇÃO DO TEXTO

OBSERVAÇÃO: a maneira aqui sugerida para escrever roteiros é a forma pessoal como são criadas as Revistas CARTUM pelo seu autor, a qual vem funcionando há dezesseis anos.
Capítulo 1 - PRIMEIRAS PROVIDÊNCIAS


Quando se planeja produzir um roteiro, seja para hq, teatro, cinema, etc, os detalhes mais importantes a serem definidos são, nesta ordem:
1)            Gênero de literatura (romance, aventura, suspense, policial, comédia, terror, ficção, etc.)

2)            Tipo de narrativa (diálogo ou monólogo, com texto ou muda, se é na 1ª pessoa ou na 3ª, etc.)

3)            Assunto abordado (se for uma comédia, pode ser um passeio atrapalhado na praia ou uma visita de parente chato, etc. E se for uma ficção, pode ser um contato com alienígenas ou uma máquina do tempo, etc.)

4)            Detalhes importantes (é importante relacionar todos os detalhes importantes que não podem passar despercebidos, para que a cena seja melhor interpretada. Ex: se é calor ou frio, se é dia ou noite, os sentimentos de cada personagem, etc, para que tal detalhe seja representado de alguma maneira visível no desenho)

5)            Quais personagens  (vão participar da história e seus respectivos graus de importância.)

Definidos todos estes quesitos, vamos buscar idéias a este respeito. Porque um bom texto não é aquele que impõe a opinião do seu autor, e sim, aquele que ouve e respeita as opiniões divergentes. Conversando com as pessoas comuns, ouvindo atentamente os mais entendidos em cada assunto sem menosprezar os leigos e lendo textos de diferentes fontes acerca deste tema, pode-se juntar as idéias necessárias para se produzir uma boa história!

Após definir o estilo de desenho com o qual se irá trabalhar, vem à mente a terrível batalha que se trava entre o lápis e o papel em branco: e agora? De onde vêm as idéias? O momento da concepção imaginária de um desenho ou de uma história em quadrinhos é um instante mágico em que entramos em contato com uma fonte criativa inesgotável. É como sintonizar uma rádio na freqüência da estação que se quer ouvir. Sintonizamos nossa mente no canal da criação.
O artista que deseja produzir histórias em quadrinhos deve aprender a absorver as impressões que o mundo lhe transmite. 

Basta estar atento para perceber como cada indivíduo é um universo distinto com reações diferentes das outras pessoas. Logo, cada personagem dos roteiros deverá estar embutido de uma personalidade singular que lhe conceda o papel de protagonista em determinados temas ou situações. Por exemplo, o Dagoberto, por ser um internauta incorrigível sempre assume um papel principal nas histórias que dizem respeito à tecnologia ou à comunicação virtual. Para escrever uma história dessas é preciso no mínimo se atualizar com as últimas novidades neste setor e solicitar informações com pessoas que estão inseridas profissionalmente neste contexto, para que os vocábulos, equipamentos, sistemas e redes sociais presentes na histórias possam ir se modernizando com o passar do tempo.



Estas são as primeiras providências a se tomar ao ter em mente escrever uma história em quadrinhos. Mas o detalhe é que a “hora de escrever roteiros” não é a gente que decide. Acontece no dia-a-dia, nos horários mais improváveis. Quando menos se espera... CLIC... acente uma lampadazinha do lado da cabeça e uma grande idéia se apresenta. Já confiei na memória (ah... amanhã eu vou me lembrar disso!!) e me arrependi amargamente, perdendo grandes tesouros. O negócio é desenvolver um “Caderno de Anotar Idéias”, o qual será o tema do próximo capítulo, a ser publicado em breve. Fique atento!!


segunda-feira, 17 de abril de 2017

Personalidade: DAGOBERTO.


Cada personagem de história em quadrinhos é um ator que vivencia uma situação distinta em cada enredo. Porém, existem certas características que vão se mantendo ao longo do tempo e que acabam formando a sua própria imagem. No caso do Dagoberto é a sua ligação (indesligável) com a tecnologia.
Nome: Dagoberto Antunes.
Idade: 19 anos.
Parentesco: Irmão caçula do Pafúncio.

Especialidade: Assuntos ligados à redes sociais e comunicação virtual.
Tormento: Acne, quedas de energia e perdas de conexão.

Resumo: 
Sua namorada Josefina frequentemente levava canos nos encontros com o Dagoberto, os quais ele esquecia de ir por passar tempo demais plugado no navegador.
Por passar a maior parte da sua vida conectado ao mundo virtual, é ele quem sempre tem grandes soluções trazidas da grande rede, resolvendo inúmeros problemas e provando a utilidade de um bom internauta.
Por outro lado, a sua grande fraqueza é permanecer utilizando compulsivamente a internet, sem a menor necessidade e nenhum benefício justificável, inexplicavelmente paralisado em frente a algo que acesse a web, tornando a sua existência uma semi escravidão on line.


Dagoberto protagonizou a capa das revistas LEITOR VIP nº 15 e 28, e das Revistas CARTUM 62 e 106.



GRANDES MOMENTOS do nosso amigo Dago:

"Um Cara Conectado" - CARTUM 57
"O Internauta Sedentário" - CARTUM 62
"Tecno Dependência - CARTUM 76
"Curtindo O Isolamento" - CARTUM 86
"Caçando Confusões" - CARTUM 106.


CONFIRA A PERSONALIDADE DOS PERSONAGENS DA CARTUM, copiando o link:

GORDO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-gordo.html

TIA CLOTILDE  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-tia-clotilde.html

ZÉ MANÉ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-ze-mane.html

OMAR AJÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-omar-aja.html

ESPONJA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/03/personalidade-esponja.html

PAFÚNCIO  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/01/personalidades-pafuncio.html

BAGATELA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-bagatela.html

MÃE DIRÁ  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-mae-dira.html

IOLANDA  http://revistascartum.blogspot.com.br/2017/02/personalidade-iolanda.html


sábado, 15 de abril de 2017

15 de Abril: Dia Mundial do DESENHISTA

Parabéns a todos os viventes que gastam horas segurando o lápis e transmitindo sentimentos!!
Muita saúde, paz e inspiração a todos!!

quinta-feira, 13 de abril de 2017

FELIZ PÁSCOA !!


DÊ UMA ASSINATURA DA CARTUM NESTA PÁSCOA!!!  Menos cáries, mais cultura!!

Confira a promoção imperdível deste mês, colando o link:


http://revistascartum.blogspot.com.br/2016/11/promocao-de-natal-da-cartum.html

terça-feira, 11 de abril de 2017

Revista CARTUM nº 111

Tradicionalmente a edição do mês de abril da Cartum é protagonizada por algum personagem específico. 
Em abril de 2010, esta honra coube à vidente MÃE DIRÁ (nº 54), em 2011 foi o faminto GORDO (nº 61), em 2012 foi a impulsiva TIA CLOTILDE (nº 69). Em 2013, quem figurou nesta função foi o desmemoriado JAIME MÓRIA (nº 77), em 2014 foi a indecisa SABRINA (nº 85) e em 2015 foi o JAIME MÓRIA (nº 93), outra vez. Ano passado foi a vez do OMAR AJÁ (nº 102) apresentar suas comédias políticas e finalmente, neste ano, tal incumbência cabe ao unha-de-fome BAGATELA (nº 111)!!

Na história principal, "Esbanjando Bom Humor", nosso herói avarento, mestre da economia doméstica, faz uma visita surpresa, coincidentemente na hora do almoço, à família do Pafúncio e aproveitando deixa as suas preciosas dicas, sem escapar de um embate filosófico com a Vó Constância!!

No segmento BRUSQUE ONTEM, nosso imigrante atrapalhado Fritz relembra a fundação do Clube Esportivo Paysandu, no penúltimo dia do ano de 1918, impondo uma longa rivalidade ao Sport Club Brusquense, que fora fundado cinco anos antes. Este último, o legítimo primeiro clube de futebol de Santa Catarina.

No miolo da revista estão as seguintes atrações:

APRENDA INGLÊS DANDO RISADA, estrelando a sogra do Bagatela.
OPINIÃO DO LEITOR: com a participação do Dr. Lima, vereador da Câmara Municipal de Brusque.
DICA CARTUM, e o Bagatela nos lembra de pequenas economias que fazem muita diferença no final do mês.
TRÂNSITO MAIS PRUDENTE: Neste mês, a primeira parte da relação de INFRAÇÕES GRAVÍSSIMAS e suas respectivas punições (7 pontos na carteira + multa).
CAÇA PALAVRAS apresentando quais são as 20 cidades mais populosas do planeta e a estimativa de suas respectivas populações.

A PIADA CLÁSSICA desta edição apresenta uma situação de alcoolismo alucinógeno do nosso amigo bebum ESPONJA.

Finalizando com o VALE A PENA RIR DE NOVO, relembrando algumas tiras e a história ENJAMBRES E GAMBIARRAS, publicada na revista CARTUM 64.

Os assinantes estarão recebendo o seu exemplar da revista CARTUM 111, junto com um exemplar da revista LEITOR VIP 41 e de um adesivo divertido, entre os dias 15 e 20 de abril de 2017. Não precisa economizar nas gargalhadas!!





domingo, 9 de abril de 2017

UM GUIA COMERCIAL DIVERTIDO

Mas do que se trata a Revista CARTUM, afinal? 
Será que é um guia comercial disfarçado de revista em quadrinhos?...Ou vice-versa?


A Cartum disponibiliza mensalmente uma leitura nova, autêntica e de visível bom gosto para incentivar este hábito tão imprescindível, quanto abandonado pelas gerações atuais, que é o de LER com frequência e poder desfrutar de uma boa revista em quadrinhos.

A CARTUM tem mais de 250 edições publicadas nos últimos 16 anos, onde foram distribuídos cerca de 800 mil exemplares em mais de 400 locais diferentes, contendo mais de 800 histórias em quadrinhos diferentes, de criação própria, desenvolvidas exclusivamente para os seus leitores. 


Tudo isso acima citado, se deve a presença dos ANUNCIANTES presentes ao longo das páginas da revista, emoldurando os quadrinhos e que possibilitaram a esta manifestação artística poder existir e alegrar tantos leitores por tanto tempo.  

As revistas CARTUM possuem em suas páginas uma empresa para cada segmento comercial: tem farmácia, livraria, disk pizza, materiais de construção, oficinas mecânicas, restaurantes, salão de beleza, etc. Quem curte esses quadrinhos e vê algum valor nesta publicação já sabe a quem agradecer: sempre que possível, ADQUIRA OS PRODUTOS OU CONTRATE OS SERVIÇOS DOS ANUNCIANTES DA CARTUM!  Quem folheia essas páginas com frequência, já sabe quem são!!


VALORIZE QUEM PROPORCIONA BOA LEITURA A SEUS CLIENTES!!!

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Presente Ilustre

Finalizado o concurso BRUSQUE EM CORES, fui presenteado com este belíssimo quadro, pintado com muito capricho pela Kelly Daiane Pereira Borba, que ficou em segundo lugar, na categoria "Adulto". Vai pra parede!
Mas o projeto CIDADE EM CORES segue vivo...em breve teremos novidades!!


A relação completa dos vencedores do concurso BRUSQUE EM CORES você confere colando o link:
http://revistascartum.blogspot.com.br/2016/12/lista-de-vencedores-do-projeto-brusque.html


quarta-feira, 5 de abril de 2017

Lançamento: Cartilha da TRANSITOLÂNDIA Vol.2

Após o lançamento do primeiro volume, em 2015, agora surge a segunda cartilha da TRANSITOLÂNDIA !!


A Transitolândia é um projeto de educação e prevenção para um trânsito melhor e mais seguro. Uma parceria da Polícia Militar de Santa Catarina (18º BPM - Brusque) e a Guarda de Trânsito de Brusque, visando orientar e alertar os estudantes sobre qual a melhor forma de se comportar no trânsito nas mais diversas situações, melhorando sua própria qualidade de vida. Possui como público alvo estudantes do 4º ano das redes de Ensino Estadual, Municipal e Particular de Brusque e região.




A cartilha foi desenvolvida com muito capricho, no padrão das Revistas CARTUM, com quadrinhos, jogos e passatempos, orientando e ensinando sobre a prevenção aos acidentes de trânsito.



Agradeço pela oportunidade de produzir um projeto de tanto valor social ao Sargento Sidney Gelow e à Soldada Carine, responsáveis pelas ações da Transitolândia, bem como a toda a corporação da Polícia Militar e da Guarda Civil de Brusque.

Aperte bem o cinto e tenha uma boa leitura!!

domingo, 2 de abril de 2017

Revista LEITOR VIP nº 41

ATENÇÃO ASSINANTES !!!  Quem está vindo ao mundo neste exato momento é a revista LEITOR VIP nº 41.
Como todos sabem, esta publicação é uma leitura EXCLUSIVA de quem é Leitor Vip da revista CARTUM!!

O FUNDÃO DO BAÚ deste mês resgata a Cartilha CARTUM Volume VI, sob o tema "Meio Ambiente", publicada em dezembro de 2003, há 14 anos atrás!! 
A extinção de qualquer espécie, não é apenas o desaparecimento eterno de um animal. A supressão de uma nascente não é apenas um riozinho que secou. A derrubada de uma árvore nativa não é apenas um pedaço de pau que caiu no chão. Tudo isso ocasiona um completo e irreversível desequilíbrio, já que provoca a escassez de alimento dos seus predadores e a superpopulação das suas presas.

Foram republicados 3 histórias em quadrinhos e o resumo de 6 temas: 

•             OS CINCO BIOMAS (RIQUEZA VERDE)
•             O DRAMA DA MATA ATLÂNTICA
•             LEGISLAÇÃO: LEIS DA SELVA
•             TRANSGÊNICOS: O DINHEIRO OU A VIDA?
•             TRÁFICO DE ANIMAIS: VIOLÊNCIA CONTRA A NATUREZA
•             BIOPIRATARIA: ESTÃO ROUBANDO AS NOSSAS FLORESTAS 

 Em TRUQUES E MÁGICAS, aprenda uma espantosa mágica de adivinhar cartas que deixará o voluntário da platéia assombrado!!
 Também tem um desafio lógico e a explicação do uso correto dos "PORQUÊS"!!


Na HISTÓRIA DOS QUADRINHOS, uma microbiografia abreviada do currículo destes 2 grandes artistas: O brasileiro LAUDO FERREIRA (quadrinhista e ilustrador, autor Histórias do Clube da Esquina e das adaptações À meia-noite levarei sua alma, de José Mojica Marins, o Zé do Caixão e O Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente). 
...e o francês JANU, famoso por fazer quadrinhos retratando os lugares que visitou, como África, Índia e Brasil.


Finalizando com um texto excelente de Mário Quintana, PARA REFLETIR!... E as DIRETRIZES da nossa querida e adivinhona VIDENTE MÃE DIRÁ!!!
A Revista LEITOR VIP será distribuída a todos os ASSINANTES da Revista CARTUM, junto com a Cartum 111 e um adesivo divertido, entre 15 e 20 de abril.
A todos uma ÓTIMA LEITURA!!